17 Junho, 2016

Fora do Padrão: Lembranças da Exposição de 1940

Ao longo de um ano, mais ou menos o tempo que levou a preparação da Exposição do Mundo Português inaugurada em 1940, uma equipa de antropólogas entrevistou mulheres e homens portugueses que na sua infância ou adolescência a visitaram.

Esta exposição constrói-se a partir das suas lembranças registadas em vídeo e materializadas em pequenos objectos e fotografias que evocam sentidos e emoções pessoais fora do padrão, fora do registo e memória institucional dos Arquivos oficiais, e para além do Padrão dos Descobrimentos e dos Monumentos que habitualmente balizam a memória de Belém e da nação. Pretende-se que a visita estimule outras lembranças e vistas do passado que a Memória tende a colocar à sombra dos Monumentos.

A equipa de investigação é do CRIA –  Centro em Rede de Investigação em Antropologia, coordenada por Maria Cardeira da Silva (CRIA / Faculdade de Ciências Sociais e Humanas) e a concepção plástica é da responsabilidade do Pintor António Viana. De 25 de Junho a 30 de Outubro de 2016 no Padrão dos Descobrimentos, em Belém.