Fado em Alfama.

Inteiramente dedicado ao universo da canção de Lisboa, o Museu do Fado está instalado numa antiga estação elevatória de água, no Largo do Chafariz de Dentro, em Alfama.

 

Celebrando o valor excepcional do Fado como símbolo identificador da cidade de Lisboa e o seu enraizamento profundo na tradição e história cultural do país, o Museu, ao longo dos últimos 19 anos de existência, tem-se dedicado à preservação, investigação e fruição do acervo relativo ao património do Fado.

Este espaço, projectado pelo arquitecto João Santa Rita, integra múltiplas valências, para além do seu circuito expositivo – um Centro de Documentação, uma Escola (com cursos de guitarra portuguesa e gabinete de canto) uma loja temática e um auditório com programação regular. Detentor de um riquíssimo acervo documental constituído por colecções discográficas, fotografias, filmes, cartazes, periódicos, repertórios, partituras, programas, troféus, adereços instrumentos e objectos diversos. Através de uma sucessão de ambientes recreados por meios audiovisuais, o visitante é convidado a conhecer a história do fado

Recentemente, o Museu disponibilizou online o seu importante arquivo sonoro, que contem os registos dos fados gravados, desde o inicio do século XX e pode ser consultado em http://arquivosonoro.museudofado.pt/