Casa Fernando Pessoa

A casa onde Fernando Pessoa morou nos últimos 15 anos da sua vida (1920-35), em Campo de Ourique, carismático bairro lisboeta, é hoje uma ativa casa de cultura, onde se pode visitar o quarto do poeta, com a cómoda original sobre a qual, no chamado “dia triunfal”, Pessoa deu voz aos seus principais heterónimos.

 

Objetos pessoais como a máquina de escrever, os óculos e blocos de apontamentos, entre outros, complementam o acervo da Casa Fernando Pessoa que alberga uma sala multimédia – o Sonhatório – e ainda a preciosa biblioteca particular do autor, digitalizada e disponível para consulta online.

Neste universo polivalente realizam-se colóquios, espetáculos, debates e conferências sobre literatura, exposições e oficinas para o público infantil. Tem também serviço de visitas guiadas por marcação e uma biblioteca, especializada em poesia e em Fernando Pessoa, de livre acesso.

A Casa Fernando Pessoa dispõe igualmente de um restaurante, o Flagrante Delitro, cujo funcionamento se estende, de segunda a sábado, à hora do jantar.

Inaugurada em 1993, a Casa Fernando Pessoa foi concebida pela Câmara Municipal de Lisboa. Hoje é gerida pela EGEAC, EM.


Acessibilidade

Acessível a pessoas com mobilidade reduzida.


Rua Coelho da Rocha, 16
1250-088 Lisboa

segunda a sábado das 10h00 às 18h00
Encerra aos domingos e nos feriados 1 Janeiro, 1 Maio e 25 Dezembro
Última admissão: 30 minutos antes da hora de encerramento


Auditório
106 m2
lotação: 90 lugares

 

Salas de Exposições (2)
51 m2 e 77 m2

Restaurante
Flagrante Delitro
T: 213 950 704
segunda das 10h00 às 18h00
terça a sábado das 10h00 às 23h00


709, 713, 720, 774
Rato
25, 28
Campo de Ourique