31 Março, 2016

Celebrar Abril

Sabe quem foi Artur Roriz? Jornalista e editor, administrador do concelho de Barcelos na I República, ficou conhecido como “um barcelense antifascista”.

E, como tal, também foi enviado para a prisão (na imagem, do espólio de Teresa Roriz, corria o ano de 1943). Foi, portanto, um exemplo de “Resistência e Liberdade”, a que o Museu do Aljube dedica um ciclo de encontros para celebrar Abril. O primeiro acontece já no dia 4, entre as 10h00 e as 13h00, e vai versar sobre “Silêncios e Omissões: Redefinir e Socializar a Herança Comum”. É uma iniciativa dos Serviços Educativos da Direção Municipal de Cultura da Câmara Municipal de Lisboa. Para mais informações e inscrições, contacte, por favor: paula.cristina.silva@cm-lisboa.pt
E traga um amigo também!